Vida

A ROSA

9 de dezembro de 2017

ELA que era apenas um botão, levou menos de uma semana para seu desabrochar, e com a mesma rapidez do despertar, se foi. Eu tenho apreço por rosas, aquelas encontradas no meu caminho sempre sinto que chegam para algo ensinar. Talvez esta mesma rosa com você durasse muito mais tempo, algo ela também teria para te mostrar.

Tenho a sensação que as rosas estão aqui para captarmos boas mensagens que estão em nosso coração, para nos fazer lembrar do real propósito de estarmos em vida, de sermos bonitos para o que está ao nosso redor. E o “bonito” não é o físico, o bonito é quando somos bons para nós e para o outro, o bonito é quando abraçamos com toda a força do mundo nossas paixões, bonito é ser amigo desse bem precioso que é o tempo, bonito é admiramos aqueles que vivem seus sonhos e acabarmos sonhando junto. O bonito nos agrada por inteiro.

Imagina um campo de rosas… é verdadeiramente bonito porque é algo que só faz bem. Bem para a alma. Te eleva.  O tempo de cada rosa é passageiro, mas sempre bonito. E elas sempre vão estar aqui.

Quanto à nós, só nos resta ser mais bonitos agora. Ser como rosa na sua vida e na vida de alguém.

E que a gente possa encontrar muitas rosas no meio do caminho. : )



A Rosa – pôster disponível na loja
http://nataliaviana.com/loja/fotografia

Todas as fotografias desta postagem são de minha autoria, por favor, não deixe de mencionar os créditos ao meu trabalho se for compartilhar. Você não tem permissão para alterar estas imagens e nem utilizar como meio de divulgação da sua marca. Seja legal! Entre em contato comigo e vamos criar juntos!

Comentários
  1. Quando era criança escutava “a vida não é um mar de rosas”. Mas sabe, talvez ela seja. Gosto das rosas pela simplicidade, pela robustez, pela beleza e pelas metáforas.
    Estava lendo sobre aromaterapia e descobri que as rosas estão relacionadas ao feminino, ao útero. Talvez o desabrochar também seja sobre nascer/renascer. Talvez a estrutura da flor também seja sobre a intimidade.
    A rosa também é uma das flores que remete a minha vó, talvez por isso (e tantas outras representações) sempre paro diante de uma roseira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias
VIMEO